Intercâmbio: 5 Motivos para fazer um

O intercâmbio cultural é uma ferramenta de qualificação profissional. A pessoa que realiza o processo consegue muitos benefícios para a sua vida. Independente do local escolhido para estudar é inegável que o intercâmbio é um passo importante nesse processo.

Intercâmbio: 5 Motivos para fazer um (Foto: Divulgação)

Intercâmbio: 5 Motivos para fazer um

Confira 5 motivos para fazer um intercâmbio:

  1. Sistema educacional

O sistema de educação de um intercâmbio em um local como o Canadá, por exemplo, é considerado em todo o planeta como um dos melhores do mundo. Com instituições excelentes, como por exemplo, as de Toronto e Calgary o Canadá está no topo dos rankings de seleções mundiais. Fora isso, a certificação e os diplomas conquistados são facilmente aceitos em todo o planeta.

  1. Idiomas na prática

O principal motivo para uma pessoa fazer um intercâmbio cultural é o contato com um novo idioma. Aprender o inglês, por exemplo, pode ser essencial para a sua carreira, mas é mais simples aprender inglês quando está fora do seu ambiente nativo.

Estar aqui no Brasil, ir a uma escola e passar 1 hora por dia lá falando inglês não é a mesma coisa de estar no local aonde TODOS falam o idioma em questão. Com certeza é mais simples aprender o idioma treinando 24 horas, tendo contato com o meio em que ele é disseminado e aprendendo na prática os dialetos locais.

  1. Variedade cultural

Estar em contato com outra cultura, por si só, é um belo motivo para fazer um intercâmbio. Vivenciar costumes, consumir produtos nativos, conhecer as influências culturais locais e ainda ter a chance de estudar em outro país te dá uma bagagem inestimável.

  1. Conquistar independência

Ter independência é outro motivo. Muitos jovens que fazem intercâmbio o buscam por conta da distância dos pais. Não que todos tenham problemas em casa, mas eles querem somente saber o que é viver sozinho. O gostinho dessa independência pode trazer um amadurecimento enorme.

Ter que se virar sozinho, em um lugar estranho que muitas vezes não tem domínio do idioma local é desafiador. Não tem como voltar a mesma pessoa depois dessa experiência. Por isso, mesmo quem já mora sozinho aqui no Brasil pode apostar em diferenciais se tentar essa rotina nova.

  1. Novas amizades

E não tem deixar de mencionar os novos amigos. Nunca é demais ter novas pessoas que torcem por você, que gostam da sua companhia e que tem um amor por você incondicional. Um intercâmbio é capaz de despertar esses sentimentos.

Veja porque fazer um intercâmbio (Foto: Divulgação)

Os melhores destinos para intercâmbio

Para aprender uma nova língua nada melhor do um intercâmbio. Por meio de uma viagem para o exterior você pode ter contato com uma nova cultura, novas comidas, novos costumes e modo de ver a vida. Além disso, estar longe de casa pode te trazer uma independência que te ajudar no processo de amadurecimento. Mas antes de escolher o local para o seu intercâmbio confira os melhores destinos para intercâmbio.

Faça um intercâmbio e aproveite (Foto: Divulgação)

Os melhores destinos para intercâmbio

– Estados Unidos

No topo da lista está os Estados Unidos. São muitos os locais aonde os estudantes vão para passar uma temporada. Nova Iorque é apenas uma das cidades da lista. O bom é que você consegue fortalecer o seu inglês e aprende com a cultura pop dos EUA.

– Canadá

Esse é o segundo destino de intercâmbio mais buscado pelos brasileiros. Em alguns locais do Canadá o francês é uma língua nativa e você pode aprender duas línguas em apenas um intercâmbio: Frances e inglês. A localização do Canadá também é um ponto positivo. Lá você pode aproveitar para visitar outros pontos turísticos famosos do mundo.

– Austrália

Na terra do canguru existem excelentes universidades. Um dos pontos de intercâmbio de estudo é a luxuosa Gold Coast. Lá fica a Bond University, que está rodeada por praias lindas, danceterias que atraem os jovens e uma cultura australiana rica.

– Japão

Em Tókio a Keio Unversity foi a primeira instituição privada japonesa de ensino superior renomada a surgir. Keio coloca a importância em colocar em seu corpo docente e na equipe os profissionais mais qualificados. Não é apenas um lugar para a buscar conhecimento acadêmico, mas também uma fonte constante de agregar caráter honroso e um modelo de intelecto e moral para toda a nação.

Você pode ir para Tókio aprender o mandarim, língua complexa, mas bem valoriza por grandes multinacionais. Por lá, pode buscar universidades e cursos para agregar o seu currículo.

– Espanha

A Espanha é um dos lugares que os Brasileiros mais gostam de fazer intercâmbio. Um dos locais que mais recebem estudantes é Granada. Com muitos centros históricos, o local é visto como um bom ponto turístico. Também podem ir fazer intercâmbio em Madri, local com vários espaços para experiências culturais.

Voltando a falar de Granada. Essa pequena cidade permite caminhadas para conhecer a sua cultura. E para estudar, você pode tentar uma vaga na Universidade de Granada.

– China

A Universidade Fudan fica em Xangai. Esse espaço dá uma ampla abertura para quem deseja fazer um bom intercâmbio. A Fudan oferece aos estudantes uma ampla gama de cursos de idiomas, bem como opções de internas dentro da cidade.

Os estudantes são alojados em apartamentos totalmente mobiliados e colocados com estudantes locais de língua inglesa para ajudar a facilitar o período de transição.

Por que você deve ir para esse espaço? Você estará bem no coração de Xangai, uma das cidades de mais rápido crescimento e mais proeminentes do mundo para tudo, desde negócios até moda.

Uma coisa que você deve fazer enquanto lá : Confira o Gonqing Forest Park ao longo do rio Huang Pu.

– Irlanda

Intercâmbio na Irlanda está cada vez mais comum. Um dos locais é o American College Dublin.  O campus está a uma curta distância de tudo o que Dublin tem para oferecer: teatros, museus, restaurantes, galerias, claro e muitos pubs.

A American College Dublin orgulha-se de entender que estudar na Irlanda não é apenas sobre ter as aulas; mas também é uma chance de experimentar a cultura de Dublin e da Irlanda. O American College Dublin foi classificado no sétimo lugar no mundo para instituições que estudam no exterior.

Add Comment