Intercâmbio – Albergue ou Casa de Família?

Um dos jeitos mais extraordinários para a idealização do seu intercâmbio é escolhendo a melhor acomodação. Tudo depende muito do local aonde decidir se hospedar. Os custos podem ser minimizados quando você escolhe uma forma de hospedagem como os albergues.

Intercâmbio – Albergue ou Casa de Família? Uma razão que você pode considerar estudar no exterior é a chance de experimentar diferentes estilos de educação. Ao inscrever-se em um programa de estudo no exterior, você terá a chance de ver um lado da sua especialidade que talvez não tenha sido exposto em casa. Você descobrirá que mergulhar completamente no sistema educacional do país anfitrião é uma ótima maneira de realmente experimentar e entender as pessoas, suas tradições e sua cultura. A educação é a peça central de qualquer viagem para estudar no exterior – afinal, é um programa de estudo no exterior – e escolher a escola certa é um fator muito importante (Foto: Divulgação)

Existem prós e contras em ficar em casas de famílias ou em albergs. Cabe a você identificar qual o melhor para o seu caso.  A casa de família tem uma segurança um pouco maior, mas o alberg pode te dar mais liberdade e ter um custo melhor.

Dicas para o intercâmbio: Ser um estudante de intercâmbio é uma experiência recompensadora, mas desafiadora, durante a qual você aprenderá muito sobre si mesmo e também se divertirá. Você estará imerso na língua e na cultura do país escolhido e viverá como um membro local de sua família, cidade ou comunidade e adquirirá habilidades em aprendizado e compreensão intercultural. Lembre-se que você não será um turista. – Benefícios Educacionais: Obtenha uma compreensão rica de outra cultura e compreenda melhor sua própria cultura. Aprenda um novo idioma ou melhore significativamente suas habilidades atuais em um idioma por meio da imersão prática. Experimente o estímulo de completar parte de sua educação em uma abordagem nova e diferente de aprendizado. Maior conhecimento geral e compreensão de questões globais. (Foto: Divulgação)

Intercâmbio – Albergue ou Casa de Família?

Confira a seguir como funciona a questão do alberg versus intercâmbio em casa de família:

– Albergue

Se hospedar em um albergue pode ser excelente em muitos aspectos: quando você fica em um alberg com certeza vai ter novas amizades. O encontro com pessoas da mesma idade é quase que inevitável nessa situação. O alberg é bom se você quer encontrar pessoas e fazer novas amizades. Mas é péssimo se gosta de privacidade.

É muito comum que em albergs você divida quartos com outras pessoas. Nesse caso, quem não gosta muito dessa convivência certamente vai ter incômodos.

Além disso, veja sempre as questões relacionadas à segurança. Posi em alberg é mais comum do que gostaríamos que pessoas mal intencionadas acabe se aproveitando desse acesso coletivo aos pertences dos hospedes para cometer delitos.


Benefícios Pessoais do intercâmbio: Ganhe experiência e maturidade através dos desafios que você enfrenta em troca que o leva para fora de seu ambiente familiar e “zona de conforto”. Desenvolva uma maior autoconfiança e uma sensação de autoconfiança como resultado de sua experiência de intercâmbio. Desfrute da emoção de viver em outro país com o apoio e a segurança de uma família anfitriã e, às vezes, um novo conjunto de irmãos e irmãs.
Faça novos amigos que durem uma vida inteira e que ajudem você a entender o mundo através de “novos olhos”.
Benefícios de Carreira e Futuro : Torne-se consciente da carreira e das opções de estudo que você nunca pensou antes.
Demonstrar sua capacidade de lidar com mudanças que são cada vez mais valorizadas por seus futuros empregadores.
Experimente os benefícios do intercâmbio muito tempo depois de voltar para casa como alguém que é diferente de outros candidatos para emprego ou estudo adicional, ao demonstrar as habilidades adquiridas para enfrentar os desafios da experiência de intercâmbio (Foto: Divulgação)

– Casa de família

Ficar hospedado em casa de família também tem o seu lado bom e seu lado ruim. Estar em uma casa que não é sua pode não te deixar muito á vontade. Mas, pode ser mais aconchegante estar com uma família nativa.

Quando o intercambio inclui estadia em uma casa de família você tem contato com essas pessoas antes de ir morar na casa delas. Durante meses é possível conversar com essas pessoas e até escolher na casa de quem deseja ficar.

A agência de intercâmbio é o seu porto-seguro e o risco de entrar em uma roubada é bem menor do que quando fecha a viagem particular e deseja ficar em um alberg.

Mas, para ficar na casa de família é necessário se adaptar as regras daquele espaço. Além disso, a maioria dos intercambistas que ficam em lares vão para trabalhar metade do dia. Cuidar das crianças é algo comum nessas ocasiões.

A pessoa que fica em casa de família, na maioria das vezes, tem um quarto para ter a sua privacidade respeitada. Mas, também é comum, que a vida pessoal da família se misture com o horário de trabalho da pessoa.

Nos momentos de folga é recomendado sair de casa, pois muitas famílias acabam deixando a criança na responsabilidade do aupair. Se perceber que esse tipo de ação acontece com muita frequência pode comunicar a agência de viagem que fechou o pacote ou tentar falar com a família.

Outro ponto bom de estar em uma casa de família é que pode usar o carro deles. A maioria dos casos as famílias oferecem os carros para a locomoção das crianças no dia a dia e você pode usar para fazer cursos. Fora isso, a família pode te orientar na locomoção e nos locais que é seguro transitar na cidade.

Além disso, se for para trabalhar na casa de uma família e se hospedar durante o processo de intercâmbio você terá salário. Esse dinheiro pode ser poupado para usar quando chagar aqui no Brasil, ou você pode usar para ter mais experiências locais.

Com todas as informações que passamos, basta escolher qual a melhor forma de estudo para conquistar a sua experiência. O intercâmbio pode ser o seu diferencial no seu currículo.

Add Comment